Micro Learning e Macro Learning: entenda a diferença e quando utilizar estas metodologias na aprendizagem corporativa

As metodologias de ensino precisam estar adaptadas à realidade das pessoas para que a aprendizagem seja efetiva e alcance um público maior, envolvendo os participantes para que a proposta seja cumprida. Nesse sentido, compreender as possibilidades e utilizar a dinâmica correta faz toda a diferença na hora de transmitir o conhecimento. É por isso que vamos apresentar dois modelos metodológicos que funcionam muito bem quando aplicados para suas respectivas finalidades.

Estamos falando de Micro e Macro Learning que podem ser utilizadas em separado ou simultaneamente, nos treinamentos empresariais. Entenda as diferenças, a finalidade de cada modelo e como utilizá-los de forma combinada.

Micro Learning

Esse modelo aborda conteúdos educacionais rápidos que permitem aos envolvidos na aprendizagem a escolha sobre quais temas são pertinentes para seu desenvolvimento. São estruturas simples de serem assimiladas, elaboradas de forma planejada e focada. 

É uma metodologia de aprendizagem rápida, que pode ser inserida no contexto corporativo sem demandar um tempo prolongado de concentração ou desvio das funções diárias. Embora sejam blocos de conhecimento construídos para serem acessados em curtos intervalos, não é menos eficaz quando aplicado de forma correta, pelo contrário, traz o estímulo de acompanhar a tendência de um novo modelo de consumo de informação da geração hiperconectada.

Construída a partir de tópicos, esse modelo pode ser aplicado quando existe a necessidade de reforçar determinado conhecimento, adequando um procedimento específico que precisa ser melhorado ou quando existe a necessidade de uma transmissão rápida de informação que pode ser acessada a qualquer momento pelo colaborador. 

O Micro Learning é utilizado como ferramenta de “ajuda”. São conteúdos de até 2 minutos, baseados em um tópico ou problema específico, a pesquisa pode ser feita por meio de pergunta e podem ser utilizados vídeos ou textos e o conteúdo pode ser classificado por qualidade e utilidade.

A vantagem desse modelo é que ele pode ser facilmente adequado quando alterações são necessárias, porque está dividido em módulos rápidos que podem ser modificados de acordo com as necessidades, sem demandar um esforço maior de readequação ampla de conteúdo.

Macro Learning

A aprendizagem baseada em Macro Learning é utilizada para conteúdos mais complexos, que não podem ser divididos em pílulas de conhecimento e precisam estar condensados de forma a desenvolver um tema mais amplo e seguindo um fluxo de apresentação estabelecido antecipadamente.

Esse modelo exige mais tempo, demandando horas ou dias de aprendizagem. Trabalha com definições de conceitos, princípios e práticas e utiliza exercícios avaliativos. Envolve  troca de experiências e percepções numa aprendizagem conjunta, exigindo o suporte necessário de um instrutor que orienta a aprendizagem.

É utilizado como formação mais ampla, podendo trazer conteúdos específicos de Micro Learning ao longo do processo de aprendizagem. Mas é um modelo que demanda um investimento maior, tanto de tempo como de estruturação do conteúdo envolvido.

Combinando Micro e Macro Learning

Os dois modelos podem ser combinados para a elaboração de materiais de treinamento. É preciso apenas estabelecer alguns critérios que devem ser seguidos para uma integração adequada.

1- A abordagem deve ser baseada na análise da necessidade de treinamento.

2- Devemos levar em consideração as opiniões de todas as partes interessadas e o contexto da organização.

3- Certifique-se de que a abordagem é colaborativa. Ela também deve incluir disposições para teste, avaliação e feedback de 360 ​​graus.

4- Deve atender aos objetivos de aprendizagem do programa de treinamento estabelecido.

5- Devemos nos esforçar para fazer o melhor uso da micro e macro aprendizagem.

É sempre útil utilizar a Micro Learning inserida na Macro Learning quando um conteúdo específico tende a ser modificado com o tempo. Um exemplo que pode ser dado dessa aplicação é o caso de uma legislação específica, para esse tipo de conteúdo é importante utilizar o Micro Learning, assim a atualização é simplificada e pode ser realizada sem a alteração do conteúdo geral, substituindo apenas aquele pequeno módulo.

O segredo é compreender quando utilizar cada modelo para o fim desejado, sabendo que ambos podem ser combinados ou utilizados separadamente, de acordo com as necessidades.

A Café EAD é especializada na geração de conteúdo e na utilização das melhores metodologias para garantir o sucesso na aprendizagem corporativa. Nós te ajudamos a transmitir conhecimento!